21 de fev de 2013

Meu segredo...

http://perlbal.hi-pi.com/blog-images/743248/mn/130180878165.jpg



☆... Quando eu menos espero você aparece na cabeça me fazendo querer te esperar de novo. O tempo passa e você continua aqui, escondido no peito. Sonho em um dia poder escutar teu nome assim como ouço os de todos os outros que já passaram por mim. É que só o teu faz o ritmo da minha respiração mudar, acelerar, explodir. Ninguém sabe, todo mundo jura que pra mim você já é passado – só eu sei o quanto você ta presente, todos os dias, em cada pedacinho da cidade, em cada gesto nosso que virou só meu.

Você é o meu segredo, trancado em sete chaves. E eu sinceramente não sei mais o que fazer pra te arrancar aqui do coração. Não me conformo que seja permanente, não pode ser. Eu fui embora decidida, apaguei teu número, mas não consigo apagar você. Porque, me diz? O que é que você tem que me faz procurar em cada rosto vazio o teu olhar discreto? O que é que você tem que me faz querer buscar em outros corpos detalhes do teu? Parece que ninguém nunca é o bastante pelo agonizante fato de ninguém nunca ser você.

Eu só queria seguir, sabe? Seguir como eu juro de pé junto pra todo mundo que já to seguindo. Mas a verdade é que eu ainda sigo te esperando, te procurando por ai. Tranquei a porta, mas você sempre entra pela brechinha que fica ali de baixo, parece que não tem jeito, e isso me desmorona, me tira o chão. Não te querer de volta não é o bastante pra parar de querer você, complexo demais, e já virou demais pra mim também. Eu rezo pra que um dia eu não reze mais com você como parte dos livramentos - que eu te esqueça sem lembrar que esqueci. Sem lembrar de você. ...☆




☆☆... Teca Florencio ...☆☆











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por seu comentário e volte sempre!